Voltar

Presidente Michel Temer defende criação de Fórum de Inteligência do Brics para combater terrorismo

04.09.2017

Em fala em reunião dos chefes de Estado e de governos na 9ª Cúpula do Brics, neste domingo (3), o presidente da República, Michel Temer, defendeu proposta brasileira de criação do Fórum de Inteligência do bloco para intensificar o combate ao terrorismo que, na sua avaliação, “é tema que exige de todos a ação crescentemente coordenada.” Temer reforçou que a iniciativa “seria contribuição adicional para nossos esforços concentrados de prevenção de atos terroristas.”

A proposta foi apoiada pelo presidente russo Vladimir Putin: “Acredito que sugestão feita pelo Brasil é muito interessante sobre a criação do Fórum de Inteligência do Brics”.

Temer enfatizou também que o Brasil participou da criação do Tratado sobre a Proibição das Armas Nucleares, que será assinado no próximo mês. Por isso, o presidente condenou os recentes testes com mísseis nucleares realizados pela Coreia do Norte. “Em perspectiva mais abrangente e de mais longo prazo, o desarmamento nuclear é a garantia mais eficaz contra a proliferação”.

Nesse sentido, o presidente brasileiro também defendeu mudanças na composição do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU), de modo a legitimar as decisões acerca da segurança internacional.

Temer ainda alertou sobre a crise política, econômica e social pela qual passa a Venezuela, e defendeu uma solução pacífica sem violar a soberania do país.

Sustentabilidade

O meio ambiente também foi tema do discurso inicial do presidente. Em 2015, os países-membros da ONU aprovaram a Agenda 2030, que reúne 17 Objetivos Globais de Desenvolvimento.

“É preciso uma ação coordenada e consciente para a efetiva promoção do desenvolvimento – não de um desenvolvimento qualquer, mas do desenvolvimento sustentável, em suas vertentes econômica, social e ambiental”, ponderou.

Fonte: Portal Planalto

FONTE: Portal Planalto