Voltar

Compromisso com as reformas resultam em cenário econômico positivo, diz presidente Michel Temer

08.09.2017

Durante mensagem gravada para as redes sociais, o presidente da República, Michel Temer, afirmou que o cenário econômico mais positivo é resultado do firme compromisso do governo com as reformas em curso. Ele afirmou ainda que além de buscar o “resgate” da economia, as medidas têm objetivo de gerar novos empregos.

“Todos esses fatores positivos são resultado do nosso firme compromisso com as reformas que estão em curso, com o resgate da nossa economia e, principalmente, com a criação de novas frentes de trabalho”, afirmou. “O que o brasileiro quer é trabalhar, é ter oportunidades, é ter sua dignidade preservada”, argumentou.

Entre as reformas que têm gerado efeito positivo, mencionadas pelo presidente, estão o teto dos gastos, a liberação de contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), a criação de uma nova taxa de juros para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a modernização trabalhista.

Segundo o presidente, todas essas ações, além de outras medidas micro e macroeconômicas, geraram um quadro de melhora do bem-estar da população. “A semana foi repleta de boas novas, notícias que confirmam a nossa caminhada na recuperação da economia”, afirmou e, logo em seguida, listou os resultados favoráveis registrados nos últimos dias.

Temer lembrou que a inflação está sob controle e recuou para 2,46% ao ano, a menor taxa desde 1999; o índice da Bolsa de Valores de São Paulo, o Ibovespa, subiu para próximo da máxima histórica, mais de 72 mil pontos.

Queda de juros

Ele observou ainda que o trabalho do governo criou as condições necessárias para que o Banco Central pudesse continuar a reduzir juros. Nesta semana, a taxa básica da economia (Selic) caiu para 8,25% a ano e os especialistas projetam que os cortes devem continuar.

Temer ainda relatou que a retomada do crescimento também pode ser observada na produção de veículos no Brasil, que subiu 45% em agosto na comparação com o mesmo mês do ano passado. O País também registrou aumento das exportações, recorde na produção de grãos, crescimento do PIB, dólar estável e diminuição do risco-Brasil.

“O que mais me encoraja e dá força para enfrentar os desafios é sentir na sociedade o desejo de corrigir os erros das administrações anteriores”, afirmou. “Tenho a consciência clara do País que queremos. Vamos trabalhar juntos, para transformar o Brasil”, disse o presidente.

Fonte: Portal Planalto

FONTE: Portal Planalto